Experiências,  Fitness,  Lifestyle

A dieta em viagens

A época de férias está aí e com ela vem as viagens e a mudança de rotina. E sempre me perguntam como eu faço em viagens para manter a dieta. 

Para responder isso, primeiro preciso esclarecer que eu vivo em dieta, então, não é algo temporário, é algo que eu escolhi pra minha vida e que me faz bem. 

Isso quer dizer que eu como de forma saudável 100% do tempo? Não. E essas quebras na dieta são extremamente saudáveis para a minha vida, claro que com moderação e bom senso.

Durante uma viagem saímos da rotina, temos novas experiências em todos os sentidos, inclusive na questão comida e eu acho que faz parte aproveitá-las. 

Segundo, tudo é uma questão de escolha. Durante a viagem, você pode escolher manter a dieta ou escolher quebrá-la, mas que seja uma escolha racional sua. Vai da sua fase, do tipo de viagem, da sua expectativa e tuda mais.

A minha dica é escolher antes, para que você não seja levado pelo emocional. Pense em como você gostaria que a viagem acontecesse, nas experiências que você gostaria de ter, como vai se sentir em relação a tudo depois, etc. 

Pensando nisso, eu juntei algumas dicas que me ajudam a aproveitar tudo isso com moderação.

Não é porque você está em viagem que você TEM que quebrar a dieta, entenda as suas vontades.

Nesse mês eu fui para um resort all inclusive, ou seja, comida de monte e o tempo todo, e durante a tarde eles faziam uns crepes doces. A primeira vez que eu vi eles, eu pensei “nossa, preciso experimentar”. 

Mas então parei e refleti um pouco, eu tinha almoçado não fazia tanto tempo, tinha comido a sobremesa que eu queria, não estava com nem um pouco de fome e de verdade, não estava estava com vontade de comer o crepe. 

A minha cabeça simplesmente pensou que eu tinha que aproveitar a oportunidade, senão não teria mais e se eu seguisse esse instinto eu na verdade ia fazer algo que eu nem tava afim, só por causa do psicológico, entende?

E isso vale também pensando que você não precisa quebrar a dieta em todas as refeições e só comer porcaria por que está em viagem. 

Por exemplo, você pode comer uma salada no almoço e depois pegar uma sobremesa que goste, ou fazer um café da manhã mais leve e aproveitar para comer um hambúrguer que você gosta mais em outra refeição.

Você não precisa comer até explodir. 

De novo temos que tomar cuidado com o nosso psicológico, pois a gente fica na cabeça de que se eu não comer agora, nunca mais terei a oportunidade e acaba passando do ponto. Então pense bem antes de repetir o prato e só pegue se estiver realmente com vontade e se não estiver cheio.

Petiscar é uma boa solução.

Se você quer experimentar e aproveitar os novos sabores sem fazer um grande estrago, pegue pequenas porções desses itens para petiscar, não precisa comer 2kg de cada hahahah. 

Atividade física sempre ajuda.

E claro que não podemos esquecer dela né? Ela vai dar uma compensada nas calorias extras e ajudar com o seu psicológico também, então, se puder, faça uma corrida, um treino funcional ou algo do tipo. Aqui no blog fizemos um video de treino em viagens para vocês fazerem em qualquer lugar pra ajudar!

A nossa vida é feita de experiências e eu acho que é super importante aproveitá-las, então, não vá para a sua viagem com culpa ou qualquer sentimento negativo. Aproveite o momento respeitando as suas vontades e escolhas. Se for para manter a dieta ou quebrá-la, que seja uma opção só sua e que você fique em paz com ela. 

Se engordar ou emagrecer, depois você volta e recupera, pois a vida é isso, um equilíbrio que oscila o tempo todo. Então vá com a cabeça leve! ;)

Publicitária, estudando Educação física, um ser aprendiz em busca de uma vida mais leve.